Av. Anhanguera, 659 - Jardim Novo Mundo - Goiânia - GO

Quando Deus Promete

Quando Deus Promete 

Leitura Bíblica - Juízes 2:1-5 - 10 de Janeiro de 2016

Costuma-se dizer que promessas são dívidas. A boa tradição é que uma promessa dada deve ser cumprida. Se o cumprimento se tornar impossível, deve ser renegociada. Entretanto, é bastante comum não se levar isso sério, a ponto de simples promessas nem serem aceitas, mas se exigir algum tipo de garantia para o seu cumprimento. É mais ou menos como fez Tomé, um dos discípulos de Jesus: só acreditou vendo!

Nessas horas, o que fazer quando precisamos de alguém de confiança? Muitas vezes, só arriscando. Deus se apresenta aos homens como alguém digno de total confiança. Não é um risco confiar em Deus. Ele é absolutamente honesto e correto. Jamais - repetindo: Jamais vai falhar em suas promessas. Não poderia ser diferente com  o Deus verdadeiro, criador do céu e da terra.

Deus encarregou aos seu anjo de falar ao povo de Israel acerca da promessa que lhe tinha feito. Cumpriu sua promessa, não mentiu, não falhou, não errou.

O povo, ao contrário, quebrou a aliança feita com Deus. Para os israelitas, então, a consequência da recusa em ouvir e obedecer a de Deus e tiveram de conviver como um povo corrompido e idólatra, que passou a ser seu adversário e uma armadilha para sua existência. Se o povo de Israel tivesse preservado sua aliança com Deus, certamente os versículos seguintes não seriam de derrota, mas de vitória. 

Deus nunca vai prometer algo que não vá cumprir. É importante não esquecer isso. Assim, quando precisarmos de alguém digno de confiança, Deus sempre será a opção certa em primeiro lugar. Em Deus não há frustração. "Quando Deus promete, Deus cumpre".

Aline Scharch, Presente diário, edição n.16

 

Adicionar comentário


Voltar ao topo